Quando a situação fugir do seu controle

Quando você começa a contrair novas dívidas para pagar as antigas, certamente é porque entrou no círculo vicioso do endividamento! Neste caso, desenvolva um plano estratégico para passar de devedor a credor.

1º PASSO: Faça um orçamento de emergência. Calcule o valor mensal que você precisa para sustentar a sua família (gastos de subsistência), eliminando todas as outras despesas. Isso significa que você terá que mudar o seu padrão de vida durante um período.

2º PASSO: Organize suas dívidas. Classifique-as de acordo com a relevância. As dívidas que possuem maiores taxas de juros são as mais críticas e devem ser as primeiras a serem eliminadas.

3º PASSO: Contate os seus credores o quanto antes, mostrando interesse por saldar seus compromissos. Para as dívidas do cartão e cheque especial, peça uma atualização do valor devido e solicite uma proposta para a quitação imediata. Se não for possível pagar este valor à vista, você também pode trocar essas dívidas por um crédito pessoal mais barato! As tarifas da Finamax são bem menores do que as taxas do cheque especial.

4º PASSO: Para outros financiamentos, contate seus credores e tente alongar o prazo dos seus pagamentos, de modo que as parcelas caibam com folga no orçamento de emergência da família.

5º PASSO: Caso você tenha um automóvel em condições de ser refinanciado, é uma boa opção para substituir suas dívidas. Esta alternativa de crédito pessoal é uma das mais baratas existentes no mercado. Outra opção para refinanciar suas contas é o crédito pessoal com desconto em folha glifo que também oferece taxas de juros baixas.

Entre em contato glifo com a Finamax e saiba mais sobre como contratar essas modalidades de crédito!

DICA
O plano para você sair das dívidas se baseia em três princípios: cortar gastos, substituir dívidas e disciplina!

6º PASSO: Conheça o tempo que irá levar para quitar as suas dívidas!

» Pegue o valor da sua receita mensal (todos os seus ganhos) e subtraia o seu orçamento mensal de emergência - este é o valor que você tem disponível por mês para pagar suas dívidas.
» Agora divida o valor total das suas dívidas pelo valor que você possui para pagar as suas prestações mensais.

Este é o tempo médio que precisará para quitar todas as suas dívidas, a não ser que levante algum dinheiro à vista, vendendo algum bem, por exemplo. Utilize esse prazo para balizar as suas negociações com o banco, e também para planejar o que irá fazer depois de pagar as dívidas!

Cálculo do tempo para quitar as dívidas
Ganhos mensais (receitas) R$ 5.000,00
Gastos mensais (despesas) R$ 3.000,00
Valor mensal disponível para pagar dívidas R$ 2.000,00
Valor total das dívidas R$ 50.000,00
Tempo para quitar as dívidas 25 meses
ilustração Situação Fugir

7º PASSO: Quando as dívidas forem quitadas, COMEMORE! Uma viagem, um jantar, presentes... Isso pode ajudar a família a repensar as atitudes. Só não vale se endividar novamente, não repita o mesmo erro!

DICA
Quanto menor for o prazo para saldar sua dívida, maior será o sacrifício. Mas o esforço vale a pena: você pagará menos juros.
SITE FINAMAX  glifo